Pesquisar este blog

domingo, 31 de janeiro de 2010

CARNAVAL X SAÚDE - UMA DUPLA DO BARULHO

                                                                                                                             Humberto Figliuolo*

Após as festas de Natal e da Confraternização Universal, abren-se as portas para o Carnaval. Período de alegria e descontração total. Portanto, estamos no clima monesco.
Kamélia, a "negona" do carnaval manauara abriu as portas de mais um carnaval, o do ano de 2010. Mas ainda teremos muitos carnavais, além dos bailes e a novidade de agora, ou seja: As bandas de ruas, a levar alegria e prazer. Temos ainda o desfile das Escolas de Samba realizado no "Sambódromo", que modifica a atmosfera da festa, com a sua profissionalização, com todas as perdas e ganhos que um grande negócio pode proporcionar.
Antigamente, a alegria contagiava com maior frequência, nos clubes tradicionais. Eram grandes bailes com decorações coloridas e milionárias, sendo realziados até concursos de fantasias com as passarelas nas entradas dos clubes a céu aberto e que terminavam na Praça Heliodoro Balbi.
Continuando na saudade carnavalesca, lembran-se da Lança Perfume? Quem usou jamais esquecerá daquele tubo dourado e geladinho que refrescava e fazia a alegria dos foliões.
Para a saúde pública, essa grande festa é responsável direta por vários problemas, daí a importância da prevenção das DSTs-AIDS, gravidez precoce,alcoolismo, tóxicos, acidentes automobilísticos e outros transtornos decorrentes da época.
"O Boom Carnavalesco" é notável, colorido,criativo, com fantansias, grandes sambas, marchas maravilhosas,mulheres bonitas e seminuas e cada folião querendo ser o melhor, portanto o glamour das cores e fantasias faz-se notar.
É imprescendível que se tomem todas as precauções para que se tenha um Carnaval gostoso. Se for dirigir não beba, use o cinto de segurança. Caso tenha um relacionamento sexual, não deixe nunca de usar a CAMISINHA. Se a mesma não for de boa qualidade poderá não surtir o efeito desejado, pois o intuíto maior é evitar a gravidez, como também a contaminação através do HIV. Para isso, a CAMISINHA deve ser de garantia comprovada e é necessário saber usá-la, para que o risco mortal não aumente. É necessário saber escolhê-la, estoca-la e usá-la adequadamente.
Isso demonstra, que SÓ distribuir CAMISINHAS não resolve. É fundamental ensinar como USÁ-LA, pois a proteção oferecida está diretamente relacionada ao USO CORRETO. Algumas dicas:
1 - Só use CAMISINHA com a marca do INMETRO estampada na embalagem.Verifique a data da validade. Se estiver vencida, recuse o produto.
2 - Dê preferência aos preservativos acondicionados em invólucros quadrados e já lubrificados.
3 - Coloque a CAMISINHA antes de o pênis ter tido qualquer contato com o órgão feminino. Se houver feridas ou corrimento, o contato entre os órgãos nos jogos amorosos iniciais é o suficiente para a transmissão de doenças. A primeira gota já contém esperma e pode resultar em gravidez. Só coloque a CAMISINHA quando o pênis estiver ereto.  A CAMISINHA deve ser jogada fora após o uso. Utilize CAMISINHA nova a cada vez que tiver relação. Ela é descartável sempre.
4 - Lave bem com água e sabão (sabonete) as mãos e os órgãos genitais, após qualquer relação sexual.
5 - Converse com os seus amigos e conhecidos sobre o HIV-AIDS, instruindo como é transmitida e como evitá-la.
É tempo de Carnaval. Divirta-se com muito samba no pé, mas não avance o sinal luminoso e não esqueça a CAMISINHA ´no bolso ou na bolsa. A saúde pública agradece.

*Humberto Figliuolo é farmacêutico e empresário do ramo de saúde.

Cadê os vacinadores de cães e gatos?



Manaus - Os moradores dos conjuntos residencias D. Pedro I e II, ciontinuam aguardando a visita dos servidores da Secretaria Municipal de Saúde, encarregados da aplicação da vacinação em ca~es e gatos da capital, que segundo a programação divulgada pela SEMSA deverá terminar dia 9.
Os moradores dos dois grandes conjuntos residencias estão apreeensivos porqwue a data limioter da vainação está se aproximando e os vacinadores não aprecem nas residênciaspara a imunização dos animais.
Alias, os moradores recordam que o ano passado essa prpática foi repetida e mais da metade da população canina dos citados conjuntos não foi vacinada  pelos técnicos da SEMSA, porque também não apareceram para realizar o trabalho. Está feito o protesto, com a esperança de que a Secretaria tome a devidas providências.

sábado, 30 de janeiro de 2010

LULA CHEGA A BRASÍLIA E AFIRMA QUE A SAÚDE ESTA BEM

Brasilia - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva desembarcou na tarde deste sábado (30) na Base Área de Brasília depois de passar por uma bateria de exames no Instituto do Coração (Incor), em São Paulo.
O presidente teve uma crise de hipertensão na quarta-feira (27), no Recife. Lula e a primeira-dama, Marisa Letícia, chegaram de helicóptero no Palácio da Alvorada, onde devem passar o final de semana descansando. O presidente não falou com a imprensa e, segundo a assessoria, não há previsão de visitas nesta tarde.
Ao terminar o check-up, em São Paulo, por volta de 11h, Lula disse que ficou preocupado com o quadro de pressão alta que teve, mas afirmou que vai tentar manter a agenda de viagens.
“Vamos ter que encontrar um jeito. O problema é que temos que continuar viajando pelo Brasil. Temos muita coisa pra fazer. Este ano é o último ano [de governo] e não podemos deixar a peteca cair. Se a gente esmorece, todo mundo esmorece", disse.
Ele argumentou que suas viagens são necessárias para fiscalizar o andamento das obras e cobrar agilidade na execução delas. O presidente declarou ainda que sua saúde e os exames estão "perfeitos". Ele atribuiu a crise de hipertensão a excesso de cansaço e de muitas horas acordado. “Eu vou continuar viajando. Graças a Deus estou com minha saúde perfeita.” Lula disse mede sua pressão todos os dias e o resultado é sempre 11 por 7 ou 12 por 7.
O presidente realizou um ecocardiograma para função dos músculos do coração, ultrassonografia de abdome total, tomografias de crânio, carótida, tórax, coronária, abdome e vascular, além de avaliação urológica e exames de sangue e urina, segundo a assessoria do hospital. Dona Marisa também passou por exames. Os resultados preliminares apontaram que o estado geral de saúde de ambos é bom.
Lula diz que ficou preocupado com pressão alta, mas continuará viajando Cinco filmes para Lula ver durante o repouso Assessor de Obama telefona para saber da saúde de Lula Lula descansa e vê os filmes 'A morte pede carona' e 'Os substitutos', diz filho Lula estava com exame de saúde atrasado, revela Paulo Bernardo

'Atividade normal'

Depois de Lula, o cardiologista Roberto Kalil Filho falou à imprensa. Segundo ele, o presidente pode voltar à atividade normal e recebeu a recomendação de descansar mais, dormir mais e fazer atividade física.
O médico afirmou que o pico de hipertensão ocorreu devido a cansaço, estresse e dieta talvez irregular. "Há uma orientação de dieta, não abusar do sal e, o mais importante, fazer exercícios físicos", disse.
Questionado se houve alguma recomendação específica sobre como deverá ser a rotina do presidente para a campanha eleitoral deste ano, o cardiologista disse que a orientação é que Lula "siga a vida dele". "Não aconteceu nada de mais. Os exames estão bons. Vai levar a vida dele no ritmo dele", declarou.

Crise e repouso

A crise de hipertensão fez com que Lula cancelasse a ida a Davos, na Suíça, onde ocorre o Fórum Econômico Mundial. Ele receberia um prêmio na sexta-feira e foi representado pelo ministro de Relações Exteriores, Celso Amorim.
Na quinta e na sexta, o presidente descansou em sua casa em São Bernardo do Campo, sem agenda oficial. No seu retorno a Brasília, o presidente deve manter a rotina dos últimos dois dias: descanso embalado por sessões de filmes. Lula deve retomar a agenda de trabalho na segunda-feira (1º).
O problema de saúde do presidente motivou uma ligação do assessor nacional de segurança do governo dos Estados Unidos, general Jim Jones, para o assessor especial da Presidência da República para Assuntos Internacionais, Marco Aurélio Garcia, nesta sexta-feira, para obter informações sobre o estado de Lula. (Ag.Estado)

SJPAM TERÁ RECESSO DE CARNAVAL

Manaus - Esta nota é do interesse aos colegas jornalistas que tenham alguma coisa a resolver no Sindicato dos Jornalistas profissionais do Amazonas, nesta época de folias monescas.
Devido o Carnaval, fesa popular que ontagia grande maioria da população brasileira, em função da responsabilidade que tem com a categoria, o Sindicato informa aos seus associados e demais interesados que tgenham assuntos a tratar junto a instituição, que amanhã, sbao, estará funcionando normalmente das 8 as 12 horas e depois, em função do feridão carnavalesco, o Sindicato entrará em recesso e só retornará às suas atividades normais na próxima quinta-feira, dia 26.
Como jornalista não é de ferro e também gosta de uma folia e de outras coisas, a turma  vai cumprir uma merecida folga, mas os coleguinhas das redações, deverão continuar trabalhando, com menos folga, mas certamente também terão seus dias de folia nesge carnaval.
Para maiores informaçõers, o telefione de contato do Sindicato é: 3234-9977, além do Site do Sindicato: jornalistasam.com.br





--

AMAZONINO ABSOLVIDO NOVAMENTE PELO TRE-AM


Manaus - Ainda não foi desta vez que o Ministério Público conseguiu a desejada cassação do prefeito de Manaus Amazonino Mendes, que em novembro já havia sido inocentado pelo Tribunal Regional Eleitoral e agora,novamente o Pleno do TER derruba o recurso do MPE e mantém o prefeito que foi eleito com esmagadora vantagem de votos sobre o segundo colocado, Serafim Correa, permanece no cargo, que lhe foi outorgado pelo povo, através do voto livre, secreto e direto, uma vez que a eleição foi majoritária. Ontem, após uma reunião de mais de duas horas, Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) rejeitou o recurso do Ministério Público Eleitoral (MPE) contra a decisão que absorveu o prefeito de Manaus, Amazonino Mendes (PTB) e Carlos Souza (PP), acusados de poder econômico e compra de votos.
O TRE já havia julgado o caso em novembro do ano passado, quando absolveu o prefeito. O Ministério Público entrou com o pedido de embargo de declaração por entender que havia obscuridade no processo.
A sessão extraordinária desta sexta-feira (29) durou quase duas horas. O pleno do Tribunal Eleitoral julgou novamente a causa e, por unanimidade, manteve a absolvição de Amazonino Mendes.
Amazonino e Souza foram absolvidos no dia 24 de novembro do ano passo. Por quatro votos a dois, o tribunal derrubou a decisão que cassou os dois políticos. Já na acusação de "caixa 2", foram quatro votos a três. O voto de desempate foi da desembargadora Graça Figueiredo, presidente do TRE-AM em exercício.

BRAGA INSPECIONOU OBRAS E CAMINHOU PELA PONTE

Manaus - Acompanhado de vários membros da sua equipe de Governo e políticos, o governador Eduardo Braga (PMDB), visitou ontem o canteiro de obras da ponte que sobre o rio Negro que ligará Manaus a Iranduba e a outros municípios da região, para comemorar o fim das dos trabalhos de estaqueamento da grande obra que deverá ser inaugurada em outubro, se tudo correr de acordo com o cronograma, como vem ocorrendo, até com algum adiantamento, segundo os engenheiros do consorcio que atua na construção.
Demonstrando descontração e alegria, o governador conversou e cumprimentou engenheiros e operários e falou aos jornalistas da grande importância socioeconômica que a ponte sobre o rio Negro trará para a região metropolitana, especialmente para os municípios que serão diretamente beneficiados com os empreendimentos, como Iranduba, Manacapuru, Novo Ayrão e outros, que mesmo não sendo diretamente interligados, sofrerão grandes benefícios.

Embora não tenha sido idealizada com a febre dos esforços para tornar Manaus uma das cidades-sede da Copa do Mundo de 2014, o governador Eduardo Braga, ressaltou que ela, será sem nenhuma dúvida de grande importância na estrutura que Manaus irá preparar para receber os visitantes que aqui virão prestigiar os jogos da Copa do Mundo e certamente ajudará a alavancar o turismo e os negócios no outro lado do rio, beneficiando em muito vários municípios.

Alias, por falar na ponte, é bom que se registre, o aumento da especulação imobiliária nos municípios da região, especialmente em Iranduba, Manacapuru e Novo Ayrão, mais diretamente ligados com essa ligação. Com isso, os preços dos terrenos sofrerão assustadoras majorações.

O fato, é que os proprietários de imóveis esperam para logo, uma grande corrida por parte de empresários, por isso, o aumento nos valores e a grande expectativa da realização de bons e lucrativos negócios.

Durante a visita as obras, o governador pouco falou em política, mas uma coisa ele anunciou com todas as letras, tirando algumas dúvidas plantadas pelo maldoso jornalista Claudio Humberto de Brasília, aquele que quando assessor do ex-presidente Collor, criou o “slogan” bateu levou” de que estava havendo um choque no bom relacionamento entre o presidente Lula e o governador do Amazonas, dando a entender que Braga poderia se bandeirar politicamente para o lado do presidenciável do PSDB José Serra.

Com poucas palavras, o governador rebateu as críticas do maldoso jornalista e dessa forma, colocou os pingos nos is.
“Todos sabem do meu comprometimento com o presidente Lula, de quem sou aliado desde o primeiro momento, logo, a minha candidata a presidência da República é a ministra Dilma, que é a candidata do presidente Lula”.(Foto 1, maquete da ponte e a 2, a ponte em obras)

Viaduto do Coroado inaugura hoje a noite

Manaus - O sufoco no trânsito para quer anda li pelas bandas do Coroado, na Zona Leste da cidade, está com horas e minutos contados para melhorar. O prefeito Amazonino Mendes (PTB), confirmou para hoje às 20 horas a inauguração do Complexo Viário Gilberto Mestrinho (viaduto do Coroado), o que deverá oferecer maior celeridade no tráfego de veículos na área.
Com a liberação desse complexo, certamente que as cosias vão melhorar e muito, mas não o ideal, considerando que o inverno no trânsito, será apenas deslocado para um pouc9o mais na frente, ou seja, na chamada Bola do São José, que deverá ficar congestionada, como alias já ocorre, mesmo ainda sem o funcionamento do viaduto.
Atento para o problema, o prefeito Amazonino Mendes já anunciou para breve, a construção de um viaduto no local, e aí sim, deveremos ter um trânsito mais ágil na engarrafada e congestionada Zona Leste, uma das regiões mais populosas da capital amazonense.
Para a inauguração da obra, que teve a duração de 11 meses, o prefeito Amazonino Mendes espera uma grande participação popular, presumindo-se por isso, uma grande festa que poderá terminar em carnaval, já que estgamos em plena época das folias monescas.

Governo realiza mutirão para realizar 2 mil cirurgias no interior


Manaus - O Governo do Amazonas inicia nesta sexta-feira, dia 29, um grande mutirão de cirurgias eletivas de média complexidade no interior do Estado. Segundo o secretário Estadual de Saúde, Agnaldo Costa, a meta é realizar, até o final do primeiro semestre, 2 mil cirurgias em 40 municípios. Os atendimentos iniciam por Tefé e Alvarães, onde serão realizados neste fim de semana 90 e 40 procedimentos, respectivamente. Entre os procedimentos a serem realizados estão as cirurgias de catarata, hérnia, ginecológicas e retirada de pequenos tumores, além de consultas e exames com cardiologistas. Para realizar o mutirão, o Governo do Estado montou uma equipe com 31médicos. São 14 cirurgiões gerais, 04 anestesistas, 02 oftalmologistas, 02 endoscopistas, 03 pediatras, 01 infectologista, 02 cardiologistas, 02 ginecologistas e um clínico geral. As cirurgias serão realizadas nos hospitais dos municípios que já estão devidamente equipados.
De acordo com o secretário de saúde do interior, Evandro Melo, o objetivo do mutirão é reduzir a demanda existente, desafogar os hospitais da capital e diminuir os custos com a transferência de pacientes para Manaus. Ele explica que os mutirões irão acontecer até o final deste semestre, tempo suficiente para que o Governo do Estado finalize o projeto de estruturação de toda a rede hospitalar do interior para que as unidades locais possam realizar cirurgias de média complexidade. “Agora estamos levando os médicos, mas a partir de julho teremos as equipes médicas do próprio município para dar conta da demanda local”, detalhou.

Pólos permanentes

Segundo Evandro Melo, o governador Eduardo Braga já determinou que a partir de julho as cirurgias de média complexidade sejam realizadas nos hospitais municipais. Para isso, o Governo está finalizando o processo de reestruturação e reforma de toda a rede hospitalar do interior. Vinte e seis unidades já foram inauguradas e outras 15 estão sendo concluídas. No projeto, 16 municípios foram preparados para serem polos permanentes de referência em especialidades distintas. Até julho, todos os polos terão unidades de UTI de seis leitos (quatro adultos e dois infantis), a exemplo do que já acontece em Parintins.
Além disso, todos os hospitais municipais estarão equipados e com profissionais especializados para realizar procedimentos de média complexidade. O Governo do Estado estará contratando nos próximos dias, via processo seletivo, 497 profissionais de saúde para atuar nos municípios polos e nas sedes regionais. Serão oferecidas 52 vagas de médicos especialistas, 44 para generalistas, 41 de enfermagem, 16 farmacêuticos, 18 farmacêuticos bioquímicos, 40 técnicos de enfermagem, 94 auxiliares de enfermagem, entre outros profissionais de nível superior e médio. A contratação depende da aprovação, pela Assembleia Legislativa do Estado (ALE), de uma Lei específica para esta finalidade que deverá ser apreciada na volta do recesso parlamentar. Fonte: Assessoria

TOQUE DE RECOLHER PARA ADOLESCENTES EM HUMAITÁ


Huamitá AM - Desde o dia 15 de janeiro, crianças e adolescentes de Humaitá,( foto da vista área da cidade) município localizado no sul do Amazonas, precisam voltar para suas casas antes da meia-noite. O objetivo, segundo a Justiça, é reduzir os altos índices de criminalidade envolvendo menores de idade no município onde vivem 40 mil habitantes.  portaria foi expedida pelo juiz da Vara da Infância e Juventude do município, José Renier da Silva Guimarães, e o cumprimento está a cargo da Polícia Militar, do Detran e do Conselho Tutelar de Humaitá.
O titular do Conselho Tutelar de Humaitá, Marcos Ferreira da Silva, afirma que a medida tem o intuito de reduzir os índices de violência na cidade.
"Em Humaitá estão acontecendo muitos homicídios, envolvendo crianças e adolescentes, e furtos. A preocupação do Juizado, juntamente com a Promotoria de Justiça e os órgãos competentes da cidade, é que essa criminalidade reduza."
Marcos Silva diz que o limite de horário previsto na portaria para a permanência dos menores na rua é 22h, mas admite que está havendo uma tolerância até a meia-noite.
"O adolescente de 15-16 anos, que está numa via pública depois das 22 horas, não está fazendo nenhum delito, a gente leva para casa, orienta, pede para o pai assinar uma advertência, na segunda advertência, a gente já vai encaminhar ao Ministério Público e ao Juizado. Agora, se for um delito maior, a gente entrega à Delegacia de Criança e Adolescente para tomar os procedimentos."
O conselheiro tutelar acrescenta que cópias da portaria estão sendo distribuídas em casas noturnas, bares e outros pontos da cidade onde costuma haver concentração de crianças e jovens. Segundo ele, os efeitos da medida já estão sendo observados entre os cidadãos da cidade.
"Surgiu um efeito muito grande, inclusive a sociedade vem e nos retribui, dizendo 'olha, está muito bom, o meu filho está se policiando nessa questão', as pessoas estão entendendo", garante.
A portaria prevê a prisão de seis meses a um ano caso as autoridades sejam impedidas de cumprir a determinação prevista.
A reportagem tentou contato com o Juiz da Vara da Infância e Juventude de Humaitá, José Renier da Silva Guimarães, mas não obteve retorno. Fonte: Leandro Martins - Repórter da Rádio Nacional da Amazônia

Protocolo vai indicar procedimentos que devem ser seguidos em plásticas.

Brasilia - O Conselho Federal de Medicina (CFM) anunciou  a elaboração de um novo protocolo de segurança para cirurgia plástica. A medida ocorre quatro dias depois da morte da jornalista Lanusse Martins (foto) durante uma cirurgia de lipoaspiração em uma clínica de Brasília. Segundo o CFM, o protocolo será uma espécie de "check list", com todos os procedimentos que devem ser adotados nas diferentes etapas de uma cirurgia plástica. O documento deve abranger orientações de indicações cirúrgicas, os exames pré-operatórios necessários em cada caso, informações sobre anestesia e atendimento pós-cirúrgico e as condições ideais do local para a realização da operação.
O Conselho Federal de Medicina informou ainda que durante a reunião do conselho, nesta sexta, ficou definido que cursos de formação de profissionais para a prática da lipoaspiração serão monitorados.
"Vemos disponibilizados cursos de lipoaspiração de final de semana, com um dia de atividade teórica e dois dias de atividade prática. Esse tipo de curso não qualifica nenhum médico. A maioria dos casos em que há complicações envolve médicos com esse tipo de treinamento, que considero nulo”, disse o médico Antonio Gonçalves Pinheiro, coordenador da Câmara Técnica de Cirurgia Plástica do CFM.
A lei brasileira não exige que os médicos possuam especialização em cirurgia plástica, em lipoaspiração, por exemplo, para realizar o procedimento. No entanto, o CFM recomenda que os pacientes procurem profissionais com qualificação específica.
De 2004 a 2008, o Conselho Federal de Medicina julgou 238 denúncias de erros médicos ocorridos durante cirurgias plásticas. Neste período, seis profissionais tiveram o registro cassado e 89 processos foram arquivados. Foram aplicadas censuras públicas a 35 médicos.
Morte
A jornalista Lanusse Martins, que morreu no último dia 25, durante uma cirurgia de lipoaspiração, foi vítima de erro médico, segundo afirmou nesta sexta a delegada que preside o caso, Martha Vargas. Ela também informou que o cirurgião Hackel Cabral será indiciado por homicídio doloso com dolo eventual (quando o médico assume o risco de matar) e pode pegar de seis a 20 anos de prisão.
Por telefone, o G1 tentou entrar em contato com o cirurgião e ainda aguarda o retorno das chamadas.
O laudo da morte de Lanusse, divulgado pela Polícia Civil do Distrito Federal nesta sexta, revela que a jovem teve uma veia perfurada na região renal durante a cirurgia e chegou a perder quase um terço do sangue do corpo. O rim não foi perfurado.
Instrumento atingiu veia de jornalista que morreu durante lipo, dizem peritos Erro médico pode ser causa de morte de jornalista em lipoescultura Corpo da jornalista que morreu após cirurgia de lipoescultura é enterrado Polícia investiga morte de jornalista após lipoaspiração no DF Jornalista morre após lipoaspiração em Brasília
"Houve dois erros médicos: um, pela cânula ter ultrapassado a cavidade abdominal. O segundo, [pelo médico] não perceber o que estava acontecendo. Ela deveria ter sido aberta imediatamente e ter sido estancado [o sangramento]. Isso poderia salvar sua vida", disse a delegada.
Perita
Segundo a perita Luciana Satie, foram 15 perfurações no corpo de Lanusse, -previstas para cirurgia-, com características de terem sido feitas com um instrumento como uma cânula. Ela afirmou que duas perfurações podem ter atingido a veia: uma, abaixo do umbigo e outra, na região perto do osso da bacia.
Lanusse perdeu pelo menos 1,5 litros de sangue. De acordo com a perita, esse total pode ser ainda maior. Para uma pessoa com o peso e altura da jornalista, o total de sangue do corpo é de cerca de 4,5 litros.(G-1)

Porque o "desmatamento zero" na Amazônia é utopia

                                                            Ronaldo Pereira Santos*

As florestas da Amazônia jamais deixarão de serem derrubadas. Pelo menos pelas taxas consideradas como zero. Esta é uma constatação difícil de ser encarada, dada a importância que a manutenção da floresta tem por diversos aspectos (ciclo da água e das chuvas, biodiversidade, celeiro e fonte de alimento e vida para as comunidades locais, riquezas ainda não exploradas e - o motivo mais recente - a questão do aquecimento global). Além do valor econômico e ambiental em si, as floretas são certamente o principal ativo da região Norte sob outros aspectos, como cultural, religioso e até mesmo espiritual para os povos indígenas. O desmatamento zero, como se propagandeia os governos federal e estaduais é sim um sonho que ajudaria e muito a melhorar parte dos problemas regionais, mas - ainda que se concretize - não seria suficiente para trazer o desenvolvimento sustentável. Não bastaria, em tese, sustentar o manto verde sem um plano que parece atraente de seu uso de forma inteligente. Ou seja, não vale a pena cultivar a idéia da floresta intocada. Bem que se reconheça que propostas de utilizar seu potencial existem aos montes ou “aos baldes” como reza a gíria local.
Alguns teóricos asseguram que oferecer dinheiro para os moradores da região manter a floresta intocada é um tiro no pé e pode gerar uma dependência nada salutar. Outros, dizem ser este o único caminho, já que é difícil convencer os amazônidas em não derrubar as árvores sem um retorno palpável (e palatável), uma vez que estes argumentam que teriam o mesmo direito de crescimento econômico daqueles que fizeram em outras regiões (leia-se: Sul e Suldesde). Este crescimento ou desenvolvimento econômico viria a reboque da exploração de áreas onde a floresta é empecilho. Estariam errados os que argumentam assim?
Esta é uma questão de fato complicada: como negar ao “caboclo” o direito ao melhor uma vez que dorme e acorda sobre, entre e dentro de riquezas? (parafraseando o Governador do Estado “não peçam que o ribeirinho proteja a árvore com seu filho morrendo de fome”. Retórica ou fundo de verdade? Há argumento para os dois lados). A questão crucial é que os defensores da Amazônia em pé não cogitam nem olhar para a possibilidade de submeter a região ao mesmo modelo de exploração econômica vista nas outras regiões. Com efeito, os dados científicos disponíveis mostram que muita coisa que funciona em outras áreas não dá para fazer na região (há, sabidamente, problemas com a fertilidade dos solos, a infraestrutura ainda é limitada etc); outras, porém, são possíveis.
Interessante, neste aspecto, são os dados disponíveis sobre o tema; não há uma relação direta entre as regiões que desmataram mais e melhorias na qualidade de índices sociais, como educação e saúde. Logo, a questão de se desmatar para gerar riquezas – num sentido mais amplo para toda sociedade – é uma afirmação que deve ser melhor analisada (veja estudo publicado em inglês: Boom-and-Bust Development Patterns Across the Amazon Deforestation Frontier, publicada na revista americana Science em 12 de Junho de 2009).

Os pontos da utopia

A primeira explicação que se observa é simples: a lei brasileira para florestas permite que haja derrubada, o chamado desmatamento legal. O Código Florestal (Lei 4.471/65) diz que, para Amazônia Legal, é permitida a derrubada de até 20% da área de cada imóvel rural. Logo, para haver desmatamento zero deveria mudar a lei – o que não acontecerá neste sentido. Ponto.
Os defensores do zero na equação do desmatamento poderiam dizer que “trata-se de zerar o desmatamento ilegal” e não o que permite a Lei. Bem, pra isso, deveríamos assumir que 80% da floresta deve ser mantida e no máximo apenas 20% seria permissível à derrubada. Levando em conta que 18% da região já está no chão, temos apenas 2% de “folga”. Quantos anos mais para que apertemos a porca e não haja mais esta incômoda folga dentro do que chamar-se-ia de “derrubada legal”? A primeira premissa é que, para os 2% ainda restante, a derrubada seja totalmente legal. A segunda é que dos 18% que já foi derrubado maioria foi ilegal. Cálculos iniciais mostram que ritmo médio oúltimos anos entre 10 e 15 anos chegaríamos aos 20% (há algumas estimativas também feitas por P. Fearnside. 2009. Brazil’s evolving proposal to control deforestation: Amazon still at risk. Environmental Conservation).
Outra questão que depõe contra o plano desmatamento zero é a de mercado. A região entrou de vez na lógica de rota da produtividade agroexportadora do Brasil. Aqui, produz-se boa parte dos produtos primários de peso importante na balança comercial (aquilo que vendemos aos outros paises). Destaque para a soja e a carne bovina – sendo que a madeira também tem um papel importante, mas sofre menos os efeitos do mercado por não ser um produto de primeira necessidade. Os preços destes itens tendem a forçar (ou refrescar) a pressão sobre a derrubada florestal. Quanto mais a demanda lá fora cresce mais os satélites capturam áreas desmatadas maiores.
Nesta mesma linha, abrimos outro parêntese para breves comentários sobre os projetos a que a região vem sendo palco. Na ânsia de se fazer girar a roda da economia os sucessivos governos têm criado muitos projetos cujos impactos são – em maioria - negativos. Os atuais vão ao encontro da produção de energia (as hidrelétricas do rio Madeira e Xingu), ao fortalecimento do transporte regional por meio da reativação de três rodovias federais que, segundo boa parte dos estudiosos, aumentaram a pressão sobre a floresta: “O principal impacto de pavimentar a rodovia (...) neste momento seria acelerar a destruição da floresta ao longo de sua rota...”, afirmam P. Fearnside e Paulo Graça, em artigo da Scientific América Brasil. O governo diz que dá para controlar o desmatamento por meio de medidas conjugadas de combate, controle, fiscalização e incentivo à produção. Com efeito, o desmatamento caiu em 2009 e pode ser atribuído a este fato, mas também caíram o preço da soja e da carne no mercado. Em suma, os projetos atraem naturalmente mais gente para região e isso se traduz em mais queda de árvores.
Por fim, como tudo está relacionado a dinheiro, este não poderia deixar de figurar como um ponto a ser analisado. Qual o custo de zerar a queda dos troncos amazônicos? Os números são conflitantes, mas – no geral – são contas astronômicas. Passam certamente dos 15 bilhões de reais, dependendo de quem faz a conta. Com é muito dinheiro para garantir a floresta em pé, ninguém garante, até o momento, de onde este dinheiro virá (embora haja o Fundo Amazônia, mas é uma gota no oceano), o que torna a missão mais sonhadora.

No campo o cenário muda

Ainda que não existissem os perturbadores argumentos citados acima algo que não se pode esquecer é o que acontece na vida real. O contato com a realidade das muitas “amazônias” mostra uma disparidade enorme entre o que se planeja em Brasilia, Manaus ou Belém e o que se vive de sol-a-sol. É hiper complicado trazer na prática a necessidade de não mais desmatar. Observando e vivenciando nos pontos onde mais se desmata (por exemplo os 43 municípios elencados pelo Ministério do Meio Ambiente) o que se vê é que o risco de fazê-lo é pequeno e as vantagens são grandes (lucro).
Onde está a lógica então de se propagandear o desmatamento zero? Bem, quem o faz chama pra sim os holofotes, ganha atenção e – em tempos eleitorais - isso é uma “big” vantagem. Mas não somente há interesses políticos (ou politiqueiros). Há também tentativa de resolver um problema que está longe de ser solucionado pelo simples fato de ser uma das principais pedras no sapato de quem quer que seja.
Como dito no inicio, ainda que nenhum tronco seja mais derrubado na Amazônia a região não ganha em resultado em si apenas por isso. Há 25 milhões de brasileiros vivendo nesta região e não se pode considerá-la com um paraíso intocado. É possível sim trazer benefícios socioeconômicos e ao mesmo tempo proteger os recursos biológicos; mas já estamos cansados de ler, escrever, ouvir e falar nisso, não é mesmo? Por isso tudo falar em desmatamento zero, aqui na Amazônia não passa de uma grande utopia.

*Ronaldo Pereira dos Santos é Engenheiro Agronomo e servidor federal de Carreira, do INCRA.




,

Empresários e trabalhadores criticam fim da redução do IPI


São Paulo - O benefício de redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para os eletrodomésticos de linha branca, que expira no próximo domingo (31), deveria ser expandido. É o que defende a Federação do Comércio do Estado de São Paulo (Fecomercio). Para a entidade, o término da redução afetará o poder de compra das famílias. O presidente da Fecomercio, Abram Szajman, acredita que o resultado da arrecadação, pelos segmentos que vão perder o benefício, pode não ser positivo como calculam as autoridades econômicas. “Elevar a carga tributária é, efetivamente, reduzir o poder de compra do consumidor”, avaliou.
Szajman estimou que, sem a redução, a arrecadação do período em que vigorou o desconto fiscal seria pior por conta da queda do consumo. Para ele, as medidas do governo foram decisivas para o bom desempenho do varejo em 2009, alcançado mesmo durante a crise econômica internacional.
Os resultados positivos do consumo sobre os produtos beneficiados pela redução do IPI comprovam que a carga tributária é muito alta no país e que o governo pode substituir as operações com alíquotas mais altas por operações com taxas mais baixas, conforme a Fecomercio.
Já a Força Sindical classificou a não prorrogação da redução do IPI como uma "insensibilidade social" do Ministério da Fazenda. “A eliminação deste incentivo é prematura e pode trazer incertezas para os setores envolvidos, gerando desemprego. O incentivo deve ser prorrogado, ajudando a fomentar a economia e o crescimento econômico. Vale lembrar que a redução deu fôlego às vendas e poupou o fechamento de milhares de postos de trabalho, nos setores metalúrgico, químico, de borracha e comércio”, disse o presidente da entidade, Paulo Pereira da Silva.
Para o diretor do departamento de Estudos Econômicos da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Paulo Francini, o fim da redução do IPI é, de certa forma, algo natural para qualquer país que implementa programas de enfrentamento de crises econômicas. “O governo acaba criando estímulos para a economia e, a partir do momento que a economia começa a se recuperar, é natural a retirada dos incentivos.”Fonte: Flávia Albuquerque - Agência Brasil

Operação "boi pirata" apreendeu mil rezes


Manaus - Com um saldo de mil cabeças de gado apreendidas, chega ao fim a operação “Boi Pirata 2”, executada pelo Ibama e pela Força Nacional de Segurança na Floresta Nacional do Jamanxim e arredores, no município paraense de Novo Progresso (PA). O cerca de cem agentes que ainda estão na região serão retirados e a área, uma das mais atingidas pelo desmatamento ilegal na Amazônia, passará a ser monitorada em sobrevoos regulares. Segundo Bruno Barbosa, coordenador-geral de fiscalização do Ibama, o objetivo das apreensões é causar efeito psicológico sobre todos aqueles pecuaristas que mantêm suas criações em áreas desmatadas ilegalmente, para que saibam que correm o risco de perder seu patrimônio. Diferentemente do gado apreendido na primeira operação “Boi Pirata”, que o governo teve que levar para leilão quatro vezes até encontrar comprador, os bois desapropriados desta vez serão doados a programas sociais.
Durante a operação iniciada em junho, os fiscais estiveram dentro e no entorno da Floresta Nacional do Jamanxim, autuando os criadores com cabeças de gado em áreas desmatadas ilegalmente e alertando-os a retirarem os animais dali. Aqueles que não removeram seus rebanhos os tiveram confiscados.
- Em maio do ano passado, abrimos o mapa do desmatamento da Amazônia e a única região que havia crescido era Novo Progresso. Então fizemos lá a operação”, explica Bruno Barbosa. Segundo ele, já estão previstas duas novas ações contra “gado de desmatamento-. -Se surgir para nós uma região com destaque de desmatamento a gente vai levar a operação para lá-, alerta. (Fonte:Ibama)

sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

Desmatamento na Amazônia teve menor índice em 21 anos

Brasilia - O ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, informou na tarde de hoje (28) que o índice de desmatamento na região amazônica atingiu o menor valor da história, entre outubro e novembro de 2009. Os dados serão apresentados pelo ministro na próxima terça-feira (2), em entrevista junto com a Polícia Federal. Segundo antecipou Minc, a tendência é de “baixa significativa”. Ele, no entanto, não adiantou os valores. O ministro afirmou que há 1 ano e 10 meses o desmatamento na Amazônia vem descrescendo, e que chegou ao menor índice no final de 2009. - Nós tivemos o menor desmatamento em 21 anos, desde que o Inpe [Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais] monitora [o desmatamento]. E esses novos números de queda já são em cima desse número que já foi o menor da história, então o desmatamento está indo para baixo realmente-.
Para o ministro, os desafios agora são a ampliação do projeto Arco Verde, do Fundo Amazônia e do Fundo Nacional sobre Mudanças Climáticas. Minc defendeu o macrozoneamento da Amazônia que, segundo ele, é o “balizamento” para que esses empreendimentos tenham uma “interação sustentável”.
Em maio, o desmatamento na Amazônia atingiu uma área de 123 km², de acordo com relatório do Sistema de Detecção de Desmatamento em Tempo Real (Deter), divulgado hoje pelo Inpe. Em relação aos dados de maio de 2008, quando o Inpe registrou 1.096 km² de desmatamento, houve queda de 88%. A medição do Deter considera as áreas que sofreram corte raso (desmate completo) e as que estão em degradação progressiva. O sistema serve de alerta para as ações de fiscalização e controle dos órgãos ambientais.(Ag.Brasil)

Fim de semana de mutirão nos PACs

Manaus - Quatro unidades de Pronto Atendimento ao Cidadão (PAC’s) estarão funcionando amanhã (30), para ajudar pessoas que encontram dificuldade de tempo durante a semana. De acordo com a Ouvidoria Geral do Estado, o principal problema encontrado pelos usuários está relacionado à unidade do Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Manaus (Sinetram), onde os usuários têm enfrentado grandes filas para regularizar sua situação. (FM)
ALVORADA - 8 ÀS 14h.
Serviços:
Carteira de Identidade 1ª e 2ª via
SINETRAM: Somente Cadastramento
PAC CIDADE NOVA - 08 às 14h.
Serviço: CTPS 1ª e 2ª via
PAC COMPENSA - 08 às 14h.
Serviço: SINETRAM: Somente Cadastramento
PAC PORTO - 8 às 13h.
Serviços: Carteira de Identidade 1ª e 2ª via
SINETRAM: Somente Cadastramento
CORREIOS - Somente para expedição de CPF (Fonte:Ouvidoria do Estado)

Cadastro da meia passagem é prorrogado

Manaus - O Instituto Municipal de Trânsito e Transportes (IMTT) anunciou hoje a prorrogação do prazo para o primeiro cadastro e recadastramento da meia passagem estudantil. Os estudantes terão até o dia 5 de fevereiro para fazer o recadastramento.
Segundo dados da Assessoria de Comunicação do IMTT, o sistema recebeu até a manhã de hoje (29) 13 mil novos cadastros e 186 mil recadastramentos. Em 2009 aproximadamente 340 mil estudantes foram cadastrados.
No recadastramento, o aluno precisa informar dados como mudança de escola, reprovação, matrícula em novo curso ou encerramento de alguma atividade escolar. A carteirinha do aluno somente é desbloqueada depois que a instituição de ensino valida as novas informações.
O estudante deve procurar um dos 11 postos do Sinetram para fazer o primeiro cadastro. Os postos funcionam em horário comercial de segunda a sexta. No sábado os PACs atendem das 8 às 14h, já os terminais de integração, a sede do Sinetram e o posto do ICHL (Ufam) funcionam das 8 às 19h. No domingo funcionam apenas a sede do Sinetram e os postos dos terminais de integração, das 8 às 14 horas. Os estudantes podem se recadastrar pela Internet, no site http://estudantes.manaus.am.gov.br.

Postos de atendimento:

01. Sinetram – Av. Constantino Nery No. 476 – Centro
02. Terminal I – Av. Constantino Nery S/N – Centro
03. Terminal II – Av. Manicoré S/N – Cachoeirinha
04. Terminal III – Av. Noel Nutels S/N – Cidade Nova
05. Terminal IV – Av. Camapuã – Próximo a Bola do Produtor - Jorge Teixeira.
06. Terminal V – Alameda Cosme Ferreira com Grande Circular – São Jose.
07. PAC Alvorada - Avenida Desembargador João Machado, 4922 – Planalto
08. PAC – Compensa - Avenida Brasil, nº 1325 - Compensa
09. PAC – Educandos - Avenida Beira Rio, s/n – Educandos
10. PAC do Porto - Rua Marquês de Santa Cruz, Armazém 10 do Porto de Manaus.
11. ICHL - UFAM – Universidade Federal do Amazonas - Av. Gen. Rodrigo Octávio Jordão Ramos, 3000, Campus Universitário - Coroado I. (LG)Fonte: IMTT

VASCÃO FAZ MAIS UMA VÍTIMA: 4 A 0 NO MACAÉ


Rio - Sob a batuta de Philippe Coutinho e os olhares de Dodô, que assistiu ao jogo dos camarotes de São Januário, o Vasco goleou o Macaé por 4 a 0 na noite desta quinta-feira, em São Cristóvão, pela quarta rodada da Taça Guanabara, primeiro turno do Campeonato Carioca. Sem o "artilheiro dos gols bonitos", suspenso, e Carlos Alberto, machucado, o Gigante da Colina foi comandado pelo garoto, de apenas 17 anos, que foi o grande nome da partida. Em duas rodadas, o Vasco marcou dez gols e não sofreu nenhum. Com isso, o time chegou aos 13 na competição e se tornou o ataque mais positivo do Campeonato Carioca. Além disso, o Gigante da Colina tem o melhor saldo de gols: 12 contra 11 do Fluminense.
Com o resultado, o Vasco chegou aos 12 pontos e se manteve na liderança do Grupo B da Taça Guanabara. Os visitantes permaneceram na última colocação, com apenas um. Na próxima rodada, o time da Colina vai encarar o Friburguense, no domingo, no Raulino de Oliveira, em Volta Redonda. O Macaé pega o Madureira, em casa.
O JOGO
Nilton comemora o seu gol, o terceiro do time Aos oito minutos, o Vasco teve a sua primeira grande chance de abrir o marcador. Magno tocou para Márcio Careca na intermediária. O lateral avançou e tocou na direita para Philippe Coutinho. O garoto passou por dois marcadores, invadiu a área e chutou para ótima defesa de Lugão. O lance levantou a torcida, que aplaudiu o jogador de pé.
Dois minutos depois, Coutinho deu um chapéu em Thiago Maciel e rolou para Rafael Coelho já dentro da área. O atacante deu um tapa para tirar o zagueiro e soltou a bomba. A bola passou por cima do gol do Macaé. Aos 13, o garoto lançou para Léo Gago, que acreditou no lance e dividiu com Lugão. Na sobra, o volante só teve o trabalho de empurrar para o gol: 1 a 0 Vasco.
Aos 17, Coutinho fez outra ótima jogada. O apoiador passou por dois adversários e chutou de fora da área. A bola passou perto do gol de Lugão. Três minutos depois, o Macaé teve uma ótima chance de empatar a partida. Laio recebeu um bom lançamento, entrou na área e chutou em cima de Fernando Prass. Aos 29, Diego recebeu pelo lado direito da defesa vascaína e soltou a bomba na rede pelo lado de fora, assustando a torcida cruzmaltina.
No lance seguinte, aos 31, Souza tentou lançar Rafael Coelho já dentro da área, mas a bola foi tocada no meio do caminho. Na sobra, o atacante aproveitou o quique da bola e chutou forte para ampliar: 2 a 0 Vasco. Sete minutos depois, Coutinho cobrou escanteio na cabeça de Nilton. O volante subiu mais do que a zaga e fez o terceiro para o Gigante da Colina.
O segundo tempo começou como a etapa inicial, com Philippe Coutinho comandando as ações no meio-campo. Logo aos cinco minutos, o jogador recebeu na entrada da área, errou o drible, mas ficou com a sobra para fuzilar Lugão. O goleiro do Macaé fez uma ótima defesa, evitando o quarto gol do Vasco. No lance seguinte, aos nove, Magno recebeu na meia-lua e soltou a bomba para marcar mais um: 4 a 0.
Aos 13, Coutinho teve uma ótima oportunidade de marcar. O jogador cobrou falta da entrada da área e a bola bateu na barreira. O goleiro Lugão defendeu com segurança no canto direito de sua meta. A partir daí, o técnico Vagner Mancini optou por fazer alguns testes na equipe. O treinador sacou o volante Léo Gago e o meia Magno e apostou nas entradas de Rafael Carioca e Geovane Maranhão.
Coutinho teve uma ótima chance de deixar a sua marca aos 31 minutos. Em cobrança de falta pelo lado esquerdo da grande área, o apoiador bateu direto e acertou a trave do goleiro Lugão. Dois minutos depois, André, que já tinha amarelo, fez uma falta dura em Rafael Coelho e foi expulso. Na sequência, o atacante do Vasco se desentendeu com Otávio e OS dois também foram advertidos com o cartão vermelho.
Com um a mais, o Vasco passou a tocar a bola no campo do adversário. Aos 44, o Macaé tentou diminuir em um contra-ataque, mas Fernando Prass deixou o gol e evitou o de honra dos visitantes.(Netvasco)



,

quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

Finalmente Zelaya deixa embaixada brasileira em Honduras

Brasília e Tegucigalpa - O presidente deposto de Honduras, Manuel Zelaya, deixou agora há pouco a Embaixada do Brasil no país. Um comboio saiu do prédio da embaixada rumo à Base Aérea de Tegucigalpa.
As autoridades hondurenhas negociam para que ele siga rumo à República Dominicana ou ao México. O país escolhido está sendo mantido em segredo. Acompanhado de um grupo de correligionários, Zelaya estava abrigado há quatro meses na representação brasileira.
Ontem (27), o ex-presidente recebeu salvo-conduto do novo presidente hondurenho, Porfírio "Pepe" Lobo, para sair do país sem ser preso. Lobo tomou posse na tarde de hoje.
Zelaya acordou tarde nesta quarta-feira, segundo relatos de pessoas que o acompanham, porque foi dormir de madrugada. Ele manteve a rotina habitual, sem alterações. Nas ruas da capital, Tegucigalpa, porém, o clima é outro: seguidores do ex-presidente promoveram manifestações e reuniram-se no aeroporto internacional da cidade à sua espera.
Desde a eleição presidencial em Honduras, em novembro passado, “Pepe” Lobo e o presidente da República Dominicana, Leonel Fernández, negociavam a concessão do salvo-conduto e a saída de Zelaya, sem riscos para ele e sua mulher. Ontem (26), o ex-presidente disse que pretende retornar a Honduras tão logo “Pepe” Lobo consiga fechar um “acordo de conciliação”.
O golpe de Estado em Honduras, em 28 de junho de 2009, foi promovido por uma ação conjunta envolvendo integrantes das Forças Armadas, da Suprema Corte e do Congresso Nacional, sob o comando do então presidente do Legislativo, Roberto Micheletti. Ele assumiu a presidência do país com a deposição de Zelaya que, na ocasião, deixou Honduras.
Em 21 de setembro, Zelaya retornou à capital hondurenha e abrigou-se na Embaixada do Brasil, na companhia da mulher e de cerca de 60 correligionários. Para o governo brasileiro, ele é um “hóspede” e “amigo do Brasil”, como, por várias vezes, se referiram a ele o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e assessores diretos.
Desde que Zelaya se hospedou na embaixada, o local foi cercado por militares das Forças Armadas de Honduras. O prédio foi mantido sob permanente vigilância – objetos, alimentos e mantimentos eram vistoriados antes de ser entregues aos que estavam no edifício. O governo brasileiro rechaçou o golpe e não reconheceu a gestão Micheletti, nem a eleição de “Pepe” Lobo.
Ontem, o Congresso Nacional de Honduras aprovou o decreto de anistia aos golpistas, ao presidente deposto e a seus aliados. Fonte: Renata Giraldi e Glauce Tolomei - Repórteres da EBC

Prefeitos organizam protesto em Brasília e ameaçam fechar as portas

Brasilia - Prefeitos de todo país estão se organizando para realizar um protesto, no início do mês de março, em frente ao Palácio do Planalto, em Brasília, para reivindicar a regularização do repasse dos recursos referentes ao Fundo de Participação dos Municípios. De acordo com o presidente da UBAM (União Brasileira de Municípios) Leonardo Santana, só neste ano de 2010, os Municípios já perderam 19,4% no repasse do dia 10 e mais 21,32% no repasse do dia 20, em relação ao mesmo período de 2009, causando um verdadeiro caos nas contas dos 5.564 Municípios do país. Santana destaca a discrepância entre o aumento das responsabilidades, tais como o pagamento do piso da educação e a implantação do novo salário mínimo, a gestão plena da saúde e educação para a população, com a redução, em pelo menos 48% dos repasses do governo federal, só em 2008 e 2009.

Lei de Responsabilidade Fiscal

Leonardo garantiu que nenhuma tutela jurisdicional poderá penalizar os Prefeitos por não conseguirem cumprir à risca a Lei de Responsabilidade Fiscal, senão eles terão que demitir os médicos, professores, e a maioria dos concursados. Segundo ele, a Lei Complementar nº. 101, de 04 de maio de 2000, intitulada Lei de Responsabilidade Fiscal – LRF, que estabelece normas de finanças públicas voltadas para a responsabilidade na gestão fiscal, foi elaborada e promulgada, às pressas, por conta de atos isolados de improbidade.
“A Lei de Responsabilidade Fiscal, além de excessivamente técnica e de grande complexidade para ser aplicada no âmbito dos Estados e Municípios, contém muitas falhas e impropriedades por não prever a diminuição dos recursos oriundos das transferências constitucionais, as quais se dão de forma aleatória ao verdadeiro processo federalista, onde a União se mostra exageradamente centralizadora dos tributos e promove renúncias fiscais que só prejudicam os outros entes federados. Ele garantiu que existem na LRF vários dispositivos inconstitucionais.
“A criminalização dos Prefeitos e Prefeitas neste país chega a ser um ato de desigualdade na aplicação das regras da lei, tendo em vista que não há controle externo nenhum aos atos do governo da União, o qual estabelece o que quiser com os tributos arrecadados, enquanto os gestores públicos municipais são penalizados, marginalizados e criticados por faltas que não cometem, pois a responsabilidade pela quebradeira das prefeituras e o desmantelamento da máquina é exclusivamente do governo federal que não dá ouvidos à voz rouca dos Municípios e nem respeita o pacto federativo”. Finalizou. Fonte: Gilcivane Carvalho – Da Agência UBAM

Pizzonia vai disputar a Maratona de Miami

Manaus - Nascer em uma região com pouquíssima poluição ambiental, já estimula os seus nativos a terem uma vida saudável. Quando há uma predisposição para a prática esportiva, esta sensação fica mais apurada. E quando o atleta é um vencedor, toda a preparação e treinamentos físicos são exponenciados, independente da modalidade em que atua. O amazonense Antonio Pizzonia é um exemplo claro. "Pratico esportes desde a infância. Eu deixava minha mãe louca porque constantemente vivia inovando e mudando de modalidade. Se eu tivesse mais tempo livre só praticaria esportes, principalmente os aquáticos, que são privilegiados em Manaus".

Um dos pilotos de automobilismo com melhor preparação física no mundo, não apenas pela exigência de sua profissão, Pizzonia gosta da vida saudável e da prática de vários esportes. Quando iniciou como piloto de testes na Fórmula 1, em 2002, já tinha a resistência e preparação adequadas para enfrentar a Força G imposta pelas freadas e acelerações laterais por várias voltas seguidas nos exigentes circuitos. "O carro de Fórmula 1 é o que mais exige fisicamente no automobilismo, seguido de perto pelo Formula Superleague. Participar de provas como maratona e triatlo, além do prazer, é uma forma de preparação física; uma união do bem-estar com a exigência da profissão", comenta o amazonense.
Quando não está dentro de um carro de corrida, o "Jungle Boy" - como ficou conhecido na Europa - está jogando tênis, futebol, esquiando, nadando, correndo ou pedalando com outros atletas de alta performance. E seu espírito competitivo faz com que ele mantenha um elevado nível de preparação e rendimento para acompanhar seus amigos em cada modalidade esportiva. "Em 2002 tive a oportunidade de participar com alguns amigos da Maratona de Nova York, uma das maiores e mais tradicionais, então já comecei pelo topo. Foi apenas uma experiência, mas pude passar por vários bairros, prédios históricos, sempre curtindo tudo É uma energia incrível, gostei muito, tanto que agora estou me preparando melhor para outras provas", conta o piloto.
Com todo este estímulo que tem desde o início de sua juventude, Pizzonia chegou a um alto nível de preparação física que o compeliu a aproveitar seu período de férias da Stock Car e da Superleague para se inscrever na Maratona de Miami, que será disputada neste final de semana (dia 31 de janeiro) na Flórida (EUA). "Para a prova em Miami fiz só três semanas de preparação por conta de uma tendinite, porém, foram intensas. Pretendo terminar a Maratona com um tempo abaixo de quatro horas se não tiver problemas no joelho".
Como se não bastasse, até o final do ano Antonio Pizzonia quer participar de um Iron Man, no México. Para isto, está fazendo um planejamento de treinos e competições até lá, que inclui a participação no Triathlon Internacional de Santos, no dia 28 de fevereiro, e outra competição em Mônaco, em agosto. "Venho treinando com uma galera de Manaus, que faz triatlo e Iron Man. Gostei da idéia e quero experimentar essas provas, por isso decidi me inscrever para competir em Santos, assim ganho experiência".
Fonte: Assessoria

Após crise de hipertensiva Lula repousa em S. Bernardo



Brasília - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva deixou, agora de manhã, o Real Hospital Português, em Recife, onde estava internado desde a noite de ontem (27) devido a uma crise hipertensiva. A pressão arterial do presidente chegou a 18 por 12, mas uma hora depois de medicado ele já estava bem, segundo a assessoria de imprensa. Com isso, a viagem de Lula a Davos, na Suíça, onde participaria do Fórum Econômico Mundial e receberia o prêmio de Estadista Global, foi cancelada. Ele será representado pelo presidente do Banco Central, Henrique Meirelles.
De Recife, o presidente segue para São Bernardo do Campo (SP), onde descansará em companhia dos familiares, seguindo recomendação médica.(Ag.Brasil)

VIADUTO DO COROADO SERÁ INAUGURADO SABADO



Manaus - O prefeito de Manaus, Amazonino Mendes (PTB) reafirmou ontem (27) que o Complexo Viário Gilberto Mestrinho, na Bola do Coroado, será entregue a população, concluído no próximo sábado (30). A inauguração segundo Amazonino deve ocorrer às 20h, na rotatória onde foi construído um memorial ao ex-senador. O prefeito também explicou que a obra, orçada em R$ 41 milhões foi concluída 11 meses, e se destaca como o maior complexo do sistema viário de Manaus.
De acordo com o Instituto Municipal de Trânsito e Transportes (IMTT), os semáforos no entorno da rotatória serão retirados para melhorar a fluidez do trânsito. Até a inauguração, faixas de pedestres serão instaladas para auxiliar o fluxo de pessoas.
Já os semáforos nas adjacências, como o instalado na Alameda Cosme Ferreira, General Rodrigo Otávio, e no cruzamento da Ephigênio Salles com a Avenida Via Láctea, entrada do conjunto Morada do Sol, por exemplo, serão mantidos.
Segundo o IMTT, o trajeto de todas as linhas de ônibus do transporte coletivo será mantido. Os pontos de ônibus na Avenida General Rodrigo Otávio, próximo à rotatória, voltarão aos locais anteriores. Na Cosme Ferreira, André Araújo e Ephigênio Salles, os pontos de ônibus próximos à rotatória também serão mantidos.
O IMTT também vai instalar placas com regulamentação de velocidade máxima nos trechos considerados mais velozes do complexo. (Seminf)

Trânsito interditado em trecho da C. Nery



Manaus - Parte da avenida Constantino Nery, no sentido bairro/centro, entre o posto de combustível BR e a panificadora Cíntia, será interditada a partir desta quinta-feira (28). O trecho será fechado por conta de mais uma etapa da obra de implantação da rede de gás natural em Manaus. A liberação está prevista para o dia 02 de fevereiro. Agentes do Instituto Municipal de Trânsito e Transporte Urbano (IMTT) estarão no local para orientar motoristas e pedestres durante a obra. Enquanto durarem os trabalhos de escavação para a colocação dos dutos, o fluxo de veículos será desviado para a pista contrária que ficará em mão dupla.
Após a finalização desta etapa, a construtora responsável dará início à segunda fase de escavações na Constantino Nery. A próxima interdição ocorrerá no trecho entre a Panificadora Cíntia e a avenida Darcy Vargas, entre os dias 3 a 9 de fevereiro.

quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

NONATO LOPES É ABSOLVIDO E CONTINUA PREFEITO



Manaus - O Pleno do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas, acompanhou o parecer do Ministério Público Estadual e inocentou por unanimidade o prefeito Raymundo Nonato Lopes, de Iranduba, da acusação de abuso do poder econômico e captação de votos no processo eleitoral de 2008.
No processo, a coligação adversário de Nonato Lopes “Renovar é Preciso”, acusava o prefeito de ter patrocinado um show artístico no município com fins eleitoreiros, além da distribuição de enxovais e da distribuição de cotas entre os vereadores e empresários do município para doações a moradores que tiveram o benefício de Educação Tutorial suspenso.

A Sessão que julgou o inocentou o prefeito Nonato Lopes, livrando-o da cassação do mandato,foi presidida pela juíza Joana dos Santos Meireles.

A sessão foi acompanhada atentamente pelo vice-prefeito de Iranduba Paulo Bandeira e vários vereadores que vibraram com a decisão. Nonato Lpes está cumprindo o seu segundo mandato como prefeito de Iranduba,importante municíopio que integra a Região Metropolitana de Manaus e ainda esteano estaráinterligado a capital através daPonte que o Gopvferno do Estado estáconstruindo sobre o rio Negro,o que certamente alvancará o progresso do vizinho município, que a chega de grandes e importantes empreendimentos, inclusive nas áreas hoteleira,  turistica e industrial.

SOLIDARIEDADE COM O HAITI

A Associação dos Moradores do D.Pedro, num grande exemplo de solidariedade humana, está comandando uma campanha pelo D. Pedro e adjacências, como conjuntos Kissia e Deborah, recolhendo alimentos não perecíveis para serem encaminhados aos vítimas do terremoto do Haiti.

Vários comerciantes da área estão participando da campanha, que tem recebido um grande apoio da população que está sofrendo juntamente com os haitianos vitimas desse grande negócio da natureza.

As doações poderão ser entregues para o carro que está passando casa a casa com os voluntários falando da campanha, ou ainda no Quartel da Cavalaria e na Loteria D. Pedro, até o próximo sábado quando esse trabalho filantrópico que começou na segunda Feira pela Associação dos Moradores do D. Pedro serão encerrados.

Satélite que enxerga através das nuvens é nova arma contra o desmatamento



Manaus - Para monitorar o desmatamento da Amazônia, o Brasil começou a usar as imagens de um satélite japonês que permite enxergar através das nuvens. Até então a cobertura de nuvens sempre foi um problema, já que a região da maior floresta tropical do mundo comumente está nublada. Na época de chuvas, certas áreas ficavam sem poder ser monitoradas durante mais da metade do ano. O satélite japonês Alos, que fica a cerca de 700 km de altitude, emite sinais de micro-ondas que são refletidas no solo e voltam para o espaço. O sinal captado pelo aparelho é então enviado para uma base nos arredores de Tóquio, onde as informações são processadas em supercomputadores.
Oito agentes de fiscalização brasileiros estão no Japão recebendo treinamento para usar as imagens do Alos. Novas áreas de desmatamento que surgiram no final do ano passado já foram detectadas e enviadas para o Brasil. As imagens japonesas, além de indicarem os pontos de devastação e a melhor maneira de a fiscalização chegar até eles, servirão como prova contra desmatadores ilegais nos tribunais.

LENDEAS AMAZÔNICAS (IX) - MANDIOCA



Todos os índios tem pele morena. Uns mais, outros menos, de acordo com cada região e com a nação a qual pertencem. Apenas Mani nasceu diferente. Era branca como o leite e tinha os cabelos mais amarelos que as espigas de milho maduras.


Muito antes de nascer, o cacique já havia sido avisado de sua vinda. Em sonhos, um espírito branco havia contado que eles ganhariam um presente sagrado de Tupã.

Quando nasceu, Mani, apesar de tão diferente, não chegou a causar espanto, mas encanto! Todos queriam vê-la e tocá-la, pois ela era um presente vindo de Tupã.

E por ser diferente, chamava muita atenção. Todos diziam que ela era a mais bela índia que havia nascido na terra. Na tribo era tratada com uma jóia, uma coisa rara que eles deveriam preservar.

Mas tanto cuidado não evitou que Mani adoecesse como qualquer outra criança. Não teve reza nem remédio do pajé que desse jeito. A índia branca, para a desolação de todos, veio a morrer.

Aos prantos, a tribo escolheu um local bem bonito para depositar o alvo corpo de Mani. E todos os dias, aqueles que tinham saudades, iam ao túmulo. Com o tempo, veio a Primavera. As flores e plantas novas começaram a brotar. Um dia alguém notou que onde Mani foi enterrada nasceu uma planta que ninguém conhecia. Ela era tão estranha quanto Mani quando nasceu.

Todos ficaram felizes e todas as manhãs regavam o pequeno vegetal que crescia cada vez mais.

Um dos índios cavou ao lado da planta e encontrou a raiz que mais parecia um caroço, um nódulo, uma batata. Partindo o pedaço da raiz viram que dentro era tão branco quanto a pequena Mani. Era como se a criança tivesse voltado naquele estranho vegetal de raiz esquisita. Por isso, deram-lhe o nome de "Mani oca", ou "carne de Mani". Depois a palavra acabou virando Mandioca como a conhecemos atualmente.

UEA VAI SELECIONAR PROFESSORES

Manaus - Editais de processos seletivos simplificados para o preenchimento de uma vaga de professor foram divulgados pela Universidade do Estado do Amazonas (UEA). As vagas são para a Escola Superior de Tecnologia e outra para a Escola Superior de Artes e Turismo. A seleção visa preencher vaga para as disciplinas de Consciência Corporal e Química Geral e Química Orgânica, respectivamente. Os interessados ao cargo de professor da Escola Superior de Tecnologia (Av. Darcy Vargas, 1.200 - Parque 10) deverão entregar seus currículos, com a devida comprovação dos títulos, até o dia 28 de janeiro, na referida unidade.
O prazo para a entrega de currículos na Escola Superior de Artes e Turismo (Rua Leonardo Malcher, 1.728) vai até esta sexta-feira, dia 29. Os processos seletivos têm como objetivo suprir o quadro de professores, a fim de manter as atividades de ensino sem interrupção. Os contratos são para regime de trabalho 40 e 20 horas semanais com valor de R$ 1.000 a R$ 3.000, conforme a titulação do professor. (Fonte:UEA)

ICMBIO APREENDE PESCADO EM NOVO AYRÃO

Manaus - Fiscais do Instituto Chico Mendes apreenderam 300 quilos de pescado no Parque Nacional de Anavilhanas, em Novo Airão, no Amazonas. O peixe estava na embarcação "Vencedor", que partiu do município de Barcelos (a 405 km da capital) com destino a Manaus. Tucunaré e aruanã abaixos da medida permitida para captura estão entre os peixes apreendidos no último sábado (23).

De acordo com o chefe do Parque Nacional, Huliton Ferreira, o pescado foi doado para a Secretaria de Ação Social de Novo Airão e será destinado para comunidades carentes do município.
O pescado foi apreendido e distribuido em bairros carentes da cidade de Novo Airao. Foto: ICMBIO/P.N. Anavilhanas/divulgação
Os animais apreendidos estão proibidos de serem capturados devido ao período de Defeso, estabelecido pelo Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama). Desde outubro do ano passado até março de 2010, algumas espécies têm pesca proibida devido a ameaça de extinção.
Tucunaré abaixo da medida permitida para captura e aruanã estão entre os peixes apreendidos. Foto: ICMBIO/P.N. Anavilhanas/divulgação
Seis espécies de peixe da região estão na lista do Defeso: matrinchã, pirapitinga, sardinha, pacu, aruanã e marapatá. O pirarucu tem a proibição permanente e o tambaqui menor de 55 cm também tem a pesca suspensa.

O dono da embarcação que não teve o nome divulgado foi multado em R$ 6.700.(Fonte: ICMBIO)

Vacinação contra gripe suína começa em março

Brasilia - O Ministério da Saúde inicia em março a vacinação contra a influenza A (H1N1) – gripe suína. O cronograma da campanha de imunização é dividido em quatro etapas. Serão vacinados os trabalhadores da rede de atenção à saúde, indígenas, gestantes, portadores de doenças crônicas, crianças de 6 meses a 2 anos de idade, pessoas de 20 a 29 anos e idosos que têm doenças crônicas.
Segundo o ministro da Saúde, José Gomes Temporão, foram comprados 83 milhões de doses da vacina, ao custo de R$ 1 bilhão. Ele destacou que a estratégia brasileira tem como objetivo reduzir a incidência da gripe e de óbitos por grupos de risco.(Ag.Brasil)

terça-feira, 26 de janeiro de 2010

Chalub poderá reassumir TJAM antes de março

Manaus - O presidente do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM), Domingos Jorge Chalub Pereira, 59, disse ontem (25) durante entrevista que pode reassumir a presidência do Tribunal antes da primeira semana de março, prazo estipulado para sua recuperação.
A entrevista foi a primeira dada por Chalub, desde que ele foi atropelado há um mês, pelo empresário Antônio Nelson Rodrigues Ruiz, filho da deputada estadual Therezinha Ruiz (DEM).
Domingos Jorge Chalub permanece de licença, mas declarou que o TJAM está sendo bem administrado pelo desembargador Flávio Pascarelli.
O magistrado disse ainda que apesar do que passou no último mês, perdoou o empresário Antônio Nelson Ruiz, mas vai pedir ressarcimento pelos gastos com seu tratamento médico.
Chalub foi atropelado na Rua Belo Horizonte, bairro Adrianópolis por um veículo modelo C4 Pallas, de placa JXL 7444. O carro era dirigido por Nelsinho Ruiz, filho da deputada estadual, Therezinha Ruiz. O atropelamento ocorreu quando Chalub se preparava para tomar café da manhã, no Da Vinci Hotel.
Ele foi submetido a duas cirurgias ortopédicas. (P.Amazonia)

NOVO 28 DE AGOSTO JÁ RECEBE PACIENTES

Manaus - O novo complexo do Pronto Socorro 28 de agosto começou a receber pacientes ontem e as transferências dos enfermos continua de forma escalonada, considerando que o seu funcionamento vem ocorrendo de forma parcial, até março, quando o complexo funcionará completamente. Uma inspeção técnica foi realizada no novo prédio do complexo hospitalar. O local tem sete pavimentos e vai oferecer um total de 528 leitos, dobrando a capacidade de atendimentos.
O complexo inclui ainda o Instituto da Mulher, com tratamento de ginecologia e um centro de queimados com cinco cirurgiões plásticos.
O hospital recebeu ontem, 75 pacientes e hioje fioram realizadas novas transferências para o novo complexo.(TV Amazonas)

Manaus realiza exposição internacional de peixes ornamentais


Manaus – A capital amazonense realiza a primeira Feira Internacional de Peixes Ornamentais. A “Aquaamazônia” começou dia 24 no Studio 5, e será encerrada amanha, zona sul de Manaus, com a proposta de gerar novos negócios e tornar o setor de peixes ornamentais ecologicamente correto. A abertura contou com a presença de representantes do setor pesqueiro nacional e internacional. Debates e mesas redondas sobre pesca ornamental.
A exposição apresenta os peixes do município de Barcelos, no Amazonas. A cidade é uma das mais ricas do planeta em peixes ornamentais. A ideia é fortalecer todos os lados desta cadeia produtiva.
Acará-disco é uma dos mais procurados da Amazônia. Na reserva de Amanã.. (Foto: Henrique Lazzarotto-Instituto Mamiraúa/Divulgação)
Segundo o professor Ph.D Ning Labbish Chao, Coordenador do Projeto Piaba da Universidade Federal do Amazonas (UFAM) entidade organizadora da ação, a feira é uma oportunidade para todos os envolvidos na cadeia produtiva e comercial de Peixe Ornamental do Rio Negro.
- A Aquamazônia expressa um avanço da indústria na direção do "verde responsável", do social, do econômico e do ambiental. Será um evento bianual para a indústria amazônica de peixes ornamentais a ser rodado no Brasil, Colômbia, Venezuela e outros países sul-americanos", disse o professor Chão-.
A exposição dos peixes ornamentais de Barcelos está aberta a visitação nos horários de 8h às 18h, no Studio 5, gratuitamente. Para participar dos ciclos de palestra é necessário se inscrever. Informações pelo www.aquamazonia2010.com (Portal Amazonia)

Recadastro da meia passagem termina domingo


Manaus – Os estudantes das redes publica e privada de ensino, em Manaus, têm até o próximo domingo (31) para efetivar o recadastramento da meia passagem para o transporte coletivo,  processo foi iniciado no dia 28 de dezembro.
Até ontem (25) apenas 120 mil estudantes haviam renovado o cadastro. Após o encerramento do prazo, o estudante não cadastrado perderá o direito de usar o benéfico da meia passagem e terá o passa-fácil cancelado.
De acordo com o Instituto Municipal de Trânsito e Transporte Urbano (IMTT), a meta é recadastrar cerca de 300 mil estudantes. A estimativa é que mais sete mil novos estudantes sejam incluídos no sistema.
O IMTT alerta que quem não fizer a renovação informando, por exemplo, se passou de ano, se mudou de escola ou se está matriculado em mais um curso, corre o risco de perder o benefício.
Até o dia 31 de janeiro as instituições de ensino vão confirmar as informações prestadas pelos estudantes no recadastramento e validar a carteirinha do Passa-Fácil estudantil que dá o direito de comprar os créditos da meia passagem.
Para facilitar o acesso dos estudantes ao sistema de recadastro, o IMTT firmou convênio com 56 lan houses em vários pontos da cidade para atender, gratuitamente, os interessados em manter o Passa-Fácil em 2010. Quem ainda não se inscreveu no sistema de meia passagem, deve procurar um dos 11 postos do Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros de Manaus (Sinetram). (Semcom)

NOVOS RADARES OPERAM NA CIDADE



Manaus – Novos radares instalaados em pontos estratégicos, começam a funcionar hoje na cidade, a fim de que o trânsito possa ser feito com mais ordem e menos velocidade, evitando com isso possíveis acidentesd. A partir desta terça-feira (26), radares com limite de velocidade de 50 e 60 quilômetros por hora começam a funcionar em várias zonas da cidade.
De acordo com o Instituto Municipal de Trânsito e Transportes (IMTT), o radar instalado na Avenida Umberto Calderaro Filho (antiga Paraíba), na zona Centro-Sul de Manaus, já está funcionado para notificação de multas. O radar possui limite de velocidade de 50 quilômetros por hora.
Já o radar localizado na Avenida Tefé, bairro Cachoeirinha, zona Sul da cidade, o limite de velocidade é de 60 quilômetros. O mesmo limite foi adotado para os radares da Rua Camapuã, em frente à Feira do Produtor do bairro Jorge Teixeira, e Alameda Cosme Ferreira, ambos na zona Leste.
Até o fim desta semana o IMTT deve instalar outros radares nas Avenida Max Texeira e Mario Ypiranga. (Fonte:IMTT)

Prazo para pagamento de taxa impressa no CCIR termina dia 27

Brasilia - Termina nesta quarta-feira (27) o prazo de pagamento da Taxa de Serviços Cadastrais impressa no Certificado de Cadastro de Imóvel Rural (CCIR) de 2006/2007/2008/2009. Após o vencimento, serão cobradas multas de 10%, para quem deixar para pagar a taxa em fevereiro, e de 20% a partir de março. Em ambos os casos, serão acrescidos juros de mora de 1% ao mês. Para efetuar o pagamento, basta se dirigir a uma agência da Caixa Econômica Federal ou uma casa lotérica levando o CCIR. Após o dia 27 de janeiro, os detentores de imóveis devem acessar a página do Incra na Internet e emitir uma nova guia, que já terá os novos valores, com juros e multa.
O documento é indispensável para transações imobiliárias, como compra e venda de imóveis rurais, e empréstimos junto aos bancos e é válido apenas com a Taxa devidamente quitada. Por meio dele, os órgãos oficiais confirmam que o imóvel está cadastrado no Sistema Nacional de Cadastro Rural (SNCR).

Segundo cálculos da Coordenação-Geral de Cadastro Rural do Incra, somente em despesas com o envio do CCIR pelos correios serão economizados pelo menos R$ 5 milhões. Isso, levando-se em conta que há 5,2 milhões de imóveis rurais espalhados por todo o País.
De acordo com a coordenadora geral, Luciméri Selivon, o CCIR disponível na Internet é o meio de desburocratizar o seu acesso. "Essa modalidade de emissão dá mais agilidade, transparência e segurança jurídica a detentores de imóveis rurais. Prova disso, é que das emissões ocorridas até 24 de janeiro último, 77% foram realizadas pelo próprio detentor", afirma.
Caso o cidadão não tenha acesso à Internet, ele poderá procurar a Unidade Municipal de Cadastramento (UMC) mais próxima de sua residência e realizar a emissão. Vinculadas às prefeituras, as UMCs estão presentes em aproximadamente 55% dos municípios brasileiros.
Outra opção é procurar uma das unidades avançadas do Incra no Estado ou ainda uma das 30 Superintendências Regionais do Incra, localizadas em todas as Capitais do país e nos municípios de Santarém (PA), Marabá (PA) e Petrolina (PE).
Também está disponível no site do Incra a funcionalidade Consulta de Autenticidade do CCIR, que se destina a cartórios, bancos, tribunais de contas, previdência social, entre outras instituições interessadas, para checar a autenticidade do CCIR apresentado pelo contribuinte.(Portal do INCRA)









PEIXE-BOI FOGE DE PREDADORES E SE ALIMENTA POUCO


Manaus - Por meio de rastreamento por rádio, cientistas conseguiram acompanhar a migração sazonal de dez peixes-boi no Amazonas ao longo de 12 anos. Eles detectaram que, na época de seca, a espécie muda de habitat para fugir de predadores, ainda que precise passar fome durante esse período.
Artigo publicado na revista “Journal of Zoology” mostra que no período de maio a junho, quando há mais chuvas e os rios amazônicos enchem, os peixes-bois preferem ficar nas lagoas de várzea, onde encontram mais plantas para comer.
Entre outubro e novembro, no entanto, as águas baixam tanto nessas lagoas que a espécie fica muito ameaçada pelos seus predadores – como os jacarés, as onças e os seres humanos. Por isso, migra para áreas de água mais profundas praticamente sem vegetação aquática que possa comer, o que o leva a jejuar por cerca de metade do ano. A pesquisa foi realizada nas Reservas de Desenvolvimento Sustentável de Mamirauá e Amanã, no oeste do Amazonas.
Os autores concluem que o peixe-boi pode estar mais ameaçado do que se pensava anteriormente, já que a migração regular e a eventual permanência em áreas de águas rasas em busca de comida o tornam vulnerável.
A pesquisa é de autoria de Eduardo Arraut, José Eduardo Mantovani, Evlyn Moraes, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), Miriam Marmontel, do Instituto Mamirauá, David Macdonald, da Universidade de Oxford, e Robert Kenward, do Centro de Ecologia e Hidrologia de Wallingford, no Reino Unido. (Fonte: IMPA, foto:Daniel Jordano )

segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

CAMPANHA LIMPA E ÉTICA...- *Osny Araújo

Maior cabo eleitoral da ministra Dilma Roussef, pré-candidata a presidência da República pelo PT que lidera o bloco governista, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, com grande popularidade nacional, especialmente nas camadas menos favorecidas, inspirado em campanhas passadas, com o slogan “Lula, paz e amor”, está recomendando aos seus auxiliares que disputarão as eleições de outubro e que buscarão votos para a sua candidata, que deseja uma campanha política limpa, ética e conseqüentemente em alto nível.

O apelo foi feito recentemente durante uma reunião com os seus ministros e todos se comprometeram a manter esse comportamento. Tomara que seja verdade e que possamos ter uma campanha limpa, com a apresentação de propostas e projetos dos candidatos, em todos os níveis, especialmente nos palanques da mídia eletrônica.

Alias, campanha política em busca do voto popular é pra isso. Ela não surgiu para xingamentos, ofensas públicas e muito menos para atacar a vida particular de quem quer que seja. O seu objetivo único é mostrar a sociedade às propostas dos candidatos que querem governar ou representar o povo no Parlamento e não para agressões e leviandades. É preciso lembrar, que gostem ou não, política é coisa séria, sim, senhor.

Acompanhei pela televisão parte da reunião, onde Lula expôs as suas idéias sobre a campanha, apostando com convicção na vitória da ministra Dilma. Pediu aos seus ministros com todas as letras que continuem trabalhando muito, mas do que vem produzindo, especialmente nas pastas envolvidas com o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), que deverá inaugurar muitas obras no decorrer do ano em todo o país.

Confiante no seu taco, mesmo com a sua candidata caminhando atrás do “tucano” José Serra, governador de São Paulo, Lula garante que o Governo, pelas obras que vem realizando para virar o jogo em tempo hábil, garantindo que os adversários é que deverão ficar preocupados e não o PT e seus aliados.

Os governistas, convictos na vitória à sucessão presidencial, afirmaram com todas as letras que Dilma é capaz e que a guerra está exatamente do lado do PSDB, deixando claro que o tom da campanha será mais ou menos do “quem sou eu e quem és tu”, sempre através de um discurso ético, respeitoso, preocupado apenas em demonstrar o que o Governo fez nesses últimos sete, oito anos e o que pretende fazer no futuro, especialmente, com a ampliação do PAC e dos programas sociais, como o Bolsa Família, Minha Casa, Minha Vida e outros que poderão ser implementados.

Não resta a menor dúvida, de que a proposta feita pelo presidente Lula para que tenhamos uma campanha política em alto nível, é louvável sob todos os aspectos. Vamos torcer para que eles não se esqueçam de avisar os adversários.

Se isso não ocorrer, certamente que os ataques dos adversários relembrando os mensalões, os desmandos e escândalos no Congresso, especialmente no Senado, onde estão fortes aliados e outros deslizes do Governo serão explorados o que forçará respostas e aí, e voltaremos a ter uma campanha de baixo nível, o que sinceramente, não desejamos.

Entendo que já é tempo de termos uma disputa eleitoral ética, com campanhas civilizadas, com a apresentação de projetos concretos para que povo possa analisar e decidir. É assim que se procede numa democracia, até porque, adversários não são e não devem ser inimigos. Os pontos contrários estão apenas no campo ideológico e de como fazer as coisas e nada mais, inclusive, com o aproveitamento das boas idéias apresentadas pelos candidatos adversários. Isso é grandeza, é vontade de fazer, é democracia.

Dizem os sábios que os bons exemplos e idéias devem ser sempre copiados e se possível melhorados. É assim que a coisa funciona ou deveria funcionar. Torço para que essa campanha em alto nível realmente ocorra a nível de Brasil e especialmente no Amazonas.

*Osny Araújo é jornalista e analista político.
e-mail: osnyaraujo@bol.com.br