Pesquisar este blog

sábado, 27 de novembro de 2010

É PRECISO CONHECER A AMAZÔNIA


                                                                                                                            *Osny Araújo

Na sua última visita a Manaus, como presidente da República, pelo menos por enquanto, Luiz Inácio Lula do Amazonas que participou dos atos inauguratórios das três primeiras usinas movidas a gás natural proveniente do Urucu e de casas populares, mandou um recado para os manda-chuvas do País, que precisa ser levado a sério daqui pra frente. É preciso conhecer a Amazônia – disse o presidente, com o que concordamos plenamente.
Tido como um grande amigo da região e especialmente do Amazonas, Estado visitado por várias vezes por ele, Lula que manteve uma excelente parceria de quase oito anos com Governo do Amazonas, chegou a criticar os “burrocratas” de Brasília, que por desconhecimento da região, das suas diferenças e peculiaridades, sempre que podem atrapalham a vinda de benefícios para este pedaço importante do País, como se a Amazônia não fosse Brasil.
Foi preciso que um ex-retirante, ex-torneiro mecânico, um quase ex-presidente da República e um autodidata, que conhece o Brasil como poucos brasileiros, deixasse esse importante recado para que no futuro, quem sabe, a Amazônia possa ser mais conhecida e aí sim, tratada com o respeito que merece.
A Amazônia sofre muitos entraves para que as políticas do Governo Federal cheguem por aqui. Quase todos os que estão nos postos de comando da Nação e que certamente não conhecem a Amazônia nem pela geografia ou literatura, procuram atrapalhar o nosso desenvolvimento, coisa que o Governo Lula prezou e foi um grande aliado da região e especialmente do Amazonas.
Uma das cosias que o presidente prometeu e não conseguiu cumprir, foi à conclusão da recuperação da BR-319, essa importante rodovia de integração regional e que recolocará o Amazonas interligado ao eixo-rodoviário nacional, que não foi concluída em função de dois ministros fanáticos que ocuparam a Pasta do Meio Ambiente, a acreana Marina Silva e o carioca Carlos Minc.
A esperança é que a presidente eleita Dilma Roussweff, que teve espetacular votação no Amazonas, cumpra com a promessa que os ministros fanáticos de Lula não permitiram que ele cumprisse.
Lula, agora com uma larga experiência e conhecimento físico da região e de como se comanda um País, deixou claro que é preciso conhecer para poder entender a Amazônia, uma região diferenciada e por isso, precisa ser tratada de modo diferente, respeitando as suas peculiaridades, a sua cultura, vocações e integrando-a definitivamente ao Brasil de forma real e não apenas fictícia, até pela grande cobiça internacional que continuando tendo em função das suas imensas riquezas naturais e da exuberante floresta tropical que ostenta.
O presidente Lula, quando afirma que a Amazônia precisa ser conhecida em detalhes, está coberto de razão. Somos sim, uma região diferente e nos orgulhamos muito disso e de sermos brasileiros.
Com uma riqueza de fazer inveja ao mundo, com a maior floresta tropical do planeta, cobiçada internacionalmente, com minérios, e muito petróleo, a região, com uma geografia difícil, clima quente, muita água, onde vive um povo patriota, precisa sim, ser mais conhecida e respeitada pelas autoridades e políticos deste País, onde para a grande maioria tudo é igual e não sabem, por exemplo, que das quatro estações do ano, por aqui, só vivenciamos duas, o verão e o inverno, ou seja, a época em que chove menos e a outra em que chove mais, enquanto os demais brasileiros convivem certamente com o verão, outono, primavera e inverno, por isso, é que somos diferentes e precisamos receber um tratamento diferenciado, com defende o presidente Lula.
Que o recado enviado de Manaus para o Brasil pelo presidente Lula, chegue aos ouvidos das nossas autoridades que decidem e fazem as coisas acontecerem bem como as nossas lideranças políticas nacionais, lembrando a eles, que a exemplo do Sul, Sudeste, Centro-Oeste, Leste e Nordeste, nós do Norte, da Amazônia também integramos o mapa do Brasil e somos mais de vinte milhões brasileiros muito orgulhosos de sermos amazônidas, por isso, queremos ser tratados com o respeito que merecemos.(Com publicação simultâneas nos sites Noticianahora, Tadeudesouza, amazonianarede e blog Jornalismo Eclético).

*Osny Araújo é jornalista e analista político.
E-mail: osnyaraujo@bol.com.br

Um comentário:

João Victor Araripe disse...

MUITO BOM ! Adorei o seu blog ! Visite o meu blog sobre tênis e retribua o comentário ! : breakpointbrasil.blogspot.com/ - Siga meu blog, que eu sigo o seu de volta ! Também tenho twitter @breakpointbr, caso queria seguir.

Obrigado !